Trust amplia negócios para duas capitais da região Sudeste

Publicado em 22/08/2019 por Imprensa

Agência de Intercâmbios e Turismo inaugura unidades no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte

A Trust Intercâmbio Cultural e Turismo escolheu 2019 como um “ano-chave” para ampliar a abrangência de suas franquias. Neste mês, a rede inaugurou duas novas unidades em pontos estratégicos para crescimento: capitais do Sudeste brasileiro, sendo uma no Rio de Janeiro e a outra em Belo Horizonte. Ao todo, a Trust conta com 21 unidades na região, entre franquias e microfranquias. Especializada em levar pessoas para vários destinos do mundo, seja para estudar, trabalhar ou se divertir, a Trust oferece pacotes para atender às variadas necessidades do público.

Com valores que partem de R$ 3,5 mil para abertura de uma microfranquia, a Trust atrai pessoas interessadas no mercado de turismo e intercâmbio que desejam ser donas do próprio negócio. Este é o caso de Rafael Esposte, microfranqueado do Rio de Janeiro: "Foi uma pesquisa minuciosa para encontrar algo que me cativasse. Sou da área de comércio exterior e relações internacionais, portanto, o segmento de viagens foi o que melhor adequou ao que eu buscava", explica.

Já Lívia Belle, franqueada de Belo Horizonte, viu em sua região uma oportunidade de venda crescente: "Aproveitando os contatos do meu círculo social e do fato de não ter concorrentes, decidi investir em uma microfranquia. Aqui temos um alto número de escolas particulares e de idiomas que são potenciais parceiros", justifica.

A geração de empregos também é um fator influenciador. "A demanda de trabalho é grande e, portanto, tenho auxílio de uma equipe para dividirmos cada atribuição. Precisamos fazer o negócio funcionar e, ao mesmo tempo, cuidar da divulgação, contato com fornecedores, treinamentos e administração. Mesmo com um modelo de negócio menor, uma equipe é necessária", diz Rafael que conta com o auxílio de três colaboradores. O setor de franchising teve um crescimento de 10% no número de empregos no segundo trimestre desse ano em comparação com o mesmo período de 2018. Em relação ao primeiro trimestre de 2019, o aumento foi de 1,7%.

"Abrir uma microfranquia permite uma liberdade maior e também economia, já que não há necessidade de alugar um espaço físico. Eu faço os meus horários. Também posso focar em atender demandas regionais e personalizar o que é pedido. Cada cliente tem uma necessidade e, conhecendo, posso oferecer o melhor", finaliza Lívia.

Em um balanço divulgado pela ABF (Associação Brasileira de Franchising) do segundo trimestre de 2019, o segmento de hotelaria e turismo teve um crescimento de 1,6% quando comparado com o mesmo período do ano passado.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de serviços , Franquia de intercâmbio , Trust Intercâmbio Cultural e Turismo