Redes sociais, Geração Z e comida saudável: o que eles têm em comum?

Publicado em 03/04/2019 por Imprensa

Em 2018 o mundo assistiu à chegada da vida adulta dos jovens que nasceram a partir de 2001. São os chamados nativos digitais, ou a Geração Z. E eles chegaram mudando tudo, alterando consideravelmente a forma como as pessoas usam as plataformas digitais, principalmente quando falamos em comunicação.

Isso fica bem claro quando se nota um crescente movimento nas redes sociais em relação a algo bem específico: as fotos de comida, de pratos bonitos e bem apresentados e a maneira como esses jovens tem lidado com a alimentação saudável. 

“Hoje uma das coisas que mais chamam a nossa atenção é quando os nossos clientes, principalmente os mais jovens, tiram várias fotos dos pratos assim que chegam à mesa, para só depois começar a saborear”, comenta Abner Lopes, sócio e fundador da Casa Graviola, franquia de restaurante com foco em alimentação saudável.

Mas não só a Geração Z faz isso, mas os Millenials (nascidos a partir dos anos 80) também compartilham dos mesmos hábitos, só que em menor escala. O fato é que as redes sociais assistem um boom de fotos que mais parecem ter saído de um cardápio elaborado, com a sensação de até imaginar o cheiro e o sabor do alimento.

Alimentação é o assunto com mais engajamento no Facebook

E se estamos falando de comida por fotos, vale dizer que a rede social em que há grande engajamento no quesito alimentação, é o Facebook. 

Segundo um levantamento feito pela iCustomer, 79% dos usuários da plataforma falam sobre comidas, alimentos saudáveis, dicas, receitas, elogios, entre outros. Destes, 12% são verdadeiros entusiastas sobre o assunto, sendo considerados lovers quando a alimentação ganha os holofotes virtuais. Já no Instagram as hashtags voltadas a gastronomia aparecem entre as 80 mais utilizadas, #food (252 milhões de utilizações), #foodporn (145 milhões) e #instafood (103 milhões).  

“As nossas páginas nas redes sociais realmente têm grande engajamento de público, tanto que 90% de nosso conteúdo são imagens que pegamos dos próprios clientes, que adoram falar sobre pratos que mais gostam, dos ingredientes, de como se alimentar bem é importante e por aí vai”, reforça Lopes.

E por falar em ingredientes, o Facebook elabora todos os anos uma pesquisa sobre os temas que serão mais falados durante os próximos meses, e para 2019 um dos assuntos que são destaque é justamente os ingredientes saudáveis para uma alimentação rica e balanceada. 

Um dos pratos mais pedidos é a Tilápia com purê de banana da terra e farofa de castanha

Agora, voltando a pergunta inicial: o que será que as redes sociais, a Geração Z e a comida saudável tem em comum? “Tudo. Além de ser incrível comer bem e de forma saudável, entendemos que é bem difícil não querer tirar uma foto perfeita de um prato lindo e delicioso. Então, se nossos clientes fazem isso, sabemos que estamos no caminho certo!”, finaliza o empreendedor.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de alimentação , Alimentação Saudável , Casa Graviola