3 passos para conhecer e superar a concorrência

Publicado em 12/09/2014 por Rosana Fernandes | Ultima Atualização em 04/12/2014

Conheça, estude e trace estratégias para se destacar no meio da multidão.

Todo modelo de negócio possui concorrentes. Mesmo que a idéia seja super inovadora, não tardará até que mais e mais interessados embarquem na mesma idéia promissora. Então como o caminho do sucesso passa pela superação constante, permanecer atento aos adversários é uma questão de sobrevivência.


Analisar o mercado e a concorrência são os primeiros e fundamentais passos a serem dados para montar-se a estratégia correta. Mas não basta apenas saber da existência do concorrente, é preciso conhecê-lo profundamente, mapear sua forma de ação, seus produtos, serviços, pontos fortes, fracos e entender as estratégias utilizadas por eles.


Conhecer a concorrência pode ajudar na melhoria dos seus processos internos, na previsão de cenários do mercado, no desenvolvimento de novos e melhores produtos/serviços, na antecipação estratégica e consequentemente melhoria dos seus resultados. 


Confira 3 passos fundamentais para dominar a  concorrência:


1 - Identifique seus concorrentes  


Este processo é o primeiro e precisa de muita dedicação na pesquisa e o envolvimento de múltiplos canais e ações, como busca em associações e organizações diretamente ligadas ao seu produto/serviço, juntas comerciais, visitas a estabelecimentos e até mesmo pesquisas na internet.


Não há receita de bolo, cada modelo de negócio possui um caminho diferente, seja criativo, mantenha o ânimo e o foco e classifique os concorrentes conforme os tipos: diretos, indiretos e em potencial.


Os concorrentes diretos são aqueles como modelo de negócio igual ao seu, por exemplo, no caso de uma pizzaria, todas as pizzarias concorrem diretamente com você, já os indiretos são os com modelo de negócio similar que podem afetar seu desempenho, como por exemplo, restaurantes de massa ou diversos, que competem na preferência de quem gosta de pizza.


Por fim, os concorrentes em potencial - Seguindo o modelo da pizzaria, neste momento é interessante também considerar super mercados como concorrentes em potencial, pois eles oferecem pizzas congeladas e diversos alimentos que podem competir com a preferência do seu cliente. 


2 - Analise seus concorrentes: Pontos fortes x fracos / oportunidades x ameaças


Já devidamente mapeados, visite, se torne cliente, experimente os produtos e serviços alheios, peça ajuda da sua equipe ou até mesmo familiares. Faça anotações e organize suas avaliações sobre o que se destaca na concorrência.


Quais são seus diferenciais, o que eles oferecem que é interessante e o que não é, a clareza da sua comunicação com os clientes, tratamentos, promoções, enfim, tudo o que realmente está envolvido no processo de venda e convencimento que já é bom ou não. A partir dos pontos fortes e fracos, identifique as oportunidades ainda não exploradas e as ameças a serem combatidas.


3- Defina seu posicionamento


Após as anotações da etapa anterior, avalie e comece a ser criativo para perceber como melhorar o que eles já possuem, mas adaptando ao seu negócio. Agora é hora de pôr em prática a sua visão de negócio.


Com a concorrência devidamente percebida e estudada, trace seus planos para se destacar e defina um posicionamento com diferenciais bem claros dos demais. Com disciplina, persistência e criatividade é possível alcançar os melhores resultados, mesmo em mercados mais competitivos.


Clique aqui para receber mais informações: http://www.mapadasfranquias.com.br/registro/newsletter

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Mercado de franquias , Franquias , Gestão de franquias