O preço da comodidade

Publicado em 07/03/2017 por Luiz Marcondes | Ultima Atualização em 09/03/2017

Será que ele pode ser quantificado? Tom Ricetti, da Pão to go, acredita que não

A Pão to Go é uma inovadora franquia de padarias Drive Thru que pretende dar às pessoas “aqueles 15 minutinhos a mais” que podem fazer muita diferença. Afinal, para quem vive na correria da vida urbana, tempo é ainda mais precioso. Mas não é só isso: também é preciso oferecer um produto de qualidade. E como vender aquilo que a gente só lembra de comprar quando já está dentro de uma padaria tradicional?

Veja a seguir as respostas a essas e outras questões na entrevista com Tom Ricetti, diretor e fundador da franquia Pão to Go.

Mapa das Franquias: Como surgiu a ideia de uma padaria “drive thru” e como funciona a operação no dia a dia?

Tom Ricetti: No caso da Pão to Go, por exemplo, vender pão não seria nenhuma novidade.

Entretanto, enxerguei, em 2013, no interior de São Paulo, um novo modelo para se vender itens básicos de uma padaria. Assim, juntei duas propostas que não tinham sido testadas até então: padaria e drive-thru. A ideia deu tão certo que hoje a marca conta com mais de 20 unidades em operação em diversas regiões do Brasil, nos EUA e em Portugal.

O brasileiro busca cada vez mais praticidade, segurança e conforto na hora de comprar, independentemente do produto. O pão é um dos alimentos mais presentes em nossa mesa, e poder adquirir este e outros itens sem descer do carro, sem procurar vaga no estacionamento, sem pagar guardadores, sem tomar chuva e sem carregar sacolas é uma “mão na roda”, além de proporcionar aqueles 15 minutinhos a mais no dia a dia das pessoas.

Mapa das Franquias: Como a Pão to Go se posiciona diante da concorrência? Que benefícios oferece e qual é seu público?

Tom Ricetti: Atualmente, a Pão to Go está colhendo os frutos de uma ideia simples e inovadora e comercializa dezenas de produtos encontrados em padarias convencionais, como os mais diversos tipos de pães, frios, leite, manteiga, refrigerantes, sucos, água, bolos, lanches naturais, entre outras opções, com o diferencial de não haver a necessidade de sair do carro para a aquisição dos itens. Vendemos algo que não tem preço, a comodidade.

Mapa das Franquias: A Pão to go não perde pelo lado da experiência, isto é, do consumidor que entra numa padaria convencional cheia de coisas gostosas e acaba levando produtos que nem tinha imaginado numa aquisição por impulso?

Tom Ricetti: Certamente a compra por impulso é muito importante no ramo de padaria. Sabendo disso, hoje nossas lojas possuem no modelo Drive-Thru um balcão que funciona como uma vitrine na hora que o cliente vai fazer o pedido. Nesta vitrine, por exemplo, oferecemos diversos produtos que ficam expostos e ofertas diferenciadas em doces e salgados. A ideia é que o cliente veja as diversas opções de produtos que oferecemos e possam levar e provar as nossas delícias.

Mapa das Franquias: Como começou o processo de franquia? Qual o número de unidades atuais e onde se localizam?

Tom Ricetti: O processo de franquia começou no mesmo ano em que fundamos a Pão to Go, ainda em 2013. À ocasião, fui procurado por um interessado em montar uma unidade da marca em outra cidade. Em seguida, procuramos uma consultoria especializada e tivemos o auxílio da Global Franchise, que é uma empresa especializada no desenvolvimento de canais de distribuição e que contribui para o crescimento de franchising na América Latina. Atualmente, estamos com mais de 20 Lojas e mais 14 em implantação. Cerca de 50% das unidades estão na região sudeste e 30% no Centro-Oeste. Além da expansão internacional com unidades nos Estados Unidos e Portugal.

Mapa das Franquias: Dá para crescer no clima recessivo de 2017? Como vender uma ideia tão diferenciada a um novo franqueado?

Tom Ricetti: Certamente é possível crescer no clima recessivo. Principalmente no nosso segmento que é de produtos de alimentação barato. Na crise, o consumidor deixa de ir a um restaurante para fazer refeições em casa. E nada melhor do que uma padaria para atender esse público, não é mesmo?

Na realidade, na maior parte das vezes, nós somos comprados. Temos procura média de pelo menos 110 interessados por mês que são pessoas que se identificam com a Ideia e o produto que comercializamos. Vendemos algo que não tem preço, a comodidade.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias , Franquias de alimentação , Pão to go