Mordidela mira Nordeste como foco para expansão

Publicado em 09/08/2017 por Imprensa

A rede prevê abrir 20 unidades na região até o final de 2017

Criada em 2013, em meio a crise econômica, a Mordidela comercializa pequenas porções de doces e salgados com preços acessíveis. A rede fundada em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, adequou os famosos salgados para quem se alimenta fora do lar.  Com mais de 100 estabelecimentos pelo país, a marca aposta no nordeste para a expansão do seu modelo de negócio e planeja abrir 20 novas unidades até o final de 2017.

De acordo com a ABF (Associação Brasileira de Franchising) a região nordeste é a terceira localidade com maior quantidade de unidades franqueadas do país, com representação de 15,6%.

“A Bahia, Pernambuco, Paraíba, Alagoas, Rio Grande do Norte, Maranhão, Piauí, Sergipe e Ceará são estados estratégicos para o crescimento da Mordidela já que recebem turistas em todos os meses do ano. Atualmente possuímos oito unidades na região”, explica Bruno Zanetti, fundador da rede.

A marca comercializa pequenas porções de diferentes produtos, como coxinha, kibe, pão de queijo frito, batata frita, bolinha de queijo, açaí, creme de cupuaçu e pitaya. Além disso, a rede adicionou ao cardápio itens focados nas refeições matinais e almoço.

Segundo dado divulgado pela ABIA (Associação Brasileira das Indústrias de Alimentação) o setor de alimentos e bebidas cresceu 9,3% em 2016 e faturou R$ 614,3 bilhões.

Para ser um franqueado da rede, considerada pela ABF uma das 20 melhores franquias do segmento de alimentação, o investidor deve desembolsar o valor mínimo de R$ 64.500 que inclui taxa de franquia, maquinário e adequação de espaço.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquia , Expansão de franquias , Franquias de salgados , Mordidela