Minds English School comemora o Dia Nacional do Voluntariado com ações concretas por região

Publicado em 26/08/2015 por Imprensa

No próximo dia 28, é festejado no país o Dia do Voluntariado e a Minds explica o porquê o comportamento social vai além dos muros da escola

A Minds English School, rede de franquias especializada em idiomas, investe não apenas na formação de seus alunos por meio do ensino, mas também por meio de ações sociais. Para poder atuar de forma assertiva e auxiliar efetivamente quem mais precisa, a Minds desenvolve ações adaptadas a cada região do Brasil. Ou seja, se no Sudeste os mais necessitados precisam de cobertores, a rede desenvolve uma ação de arrecadação com este objetivo. Se neste mesmo momento, na região do Nordeste o imprescindível é angariar alimentos, será realizada uma campanha para este fim.


“Queremos com estas ações despertar nos nossos jovens alunos a solidariedade e o desejo de ajudar o outro, indo além dos muros da escola”, afirma Leiza Oliveira, fundadora da Minds. Apesar de a data comemorativa nacional acontecer apenas uma vez ao ano, a Minds tem o planejamento diário de ações solidárias, que envolvem com práticas contínuas e, também, pontuais.


Na região mais fria do país, especificamente nas cidades de Porto Alegre e de Canoas, as unidades da rede isentam o valor da matrícula sob a condição dos alunos doarem 2 kg de alimentos, 2 agasalhos ou 2 brinquedos, conforme a necessidade do período do ano. A distribuição é feita mensalmente para algumas instituições. Entre elas estão: o Albergue Municipal de Canoas, Lar de Idosos Chimarrão da Amizade de Canoas, Instituição Pão dos Pobres de Porto Alegre, Pequena Casa da Criança e Defesa Civil.


“O que nós queremos como escola de inglês, é unir o aprendizado e a solidariedade. Não adianta formar pessoas na proficiência de um idioma e não ensiná-las que a sinergia entre os seres humanos é o que faz o nosso convívio em sociedade ser melhor”, explica Leiza.


Na região Sudeste, a rede não tem apenas ações de coletar alimentos ou roupas, mais também há os eventos com cunho social. No próximo dia 22, a unidade do bairro Tucuruvi, em São Paulo, receberá cerca de 300 pessoas para um dia de diversão: haverá um carrossel para crianças e atividades com muita animação. Para participar, basta entregar 1 kg de alimento, que serão doados a uma entidade que cuida de menores com câncer.


O processo na escolha dos projetos sociais que serão desenvolvidos é feito entre o franqueador e os franqueados, e a Minds opta por investidores que tenham esse olhar coletivo. Fabiano Castro, diretor regional de Belém do Pará, explica que para selecionar os funcionários da unidade há testes e muita conversa na entrevista para perceber se o candidato tem o perfil de ajudar o próximo. “Temos um excelente projeto fixo de distribuir cestas básicas e sopas – o nosso propósito é combater a fome por aqui”, explica Fabiano Castro.


A Minds já tem mais de 70 unidades em todo o país e todas as escolas têm a dinâmica do trabalho social. A rede de idiomas é boa para o franqueado que obtém retorno do investimento em 24 meses e já entra investindo em um grupo que tem como visão o trabalho social por meio da distribuição de recursos e de mantimentos, e é boa para os alunos que aprendem um novo idioma e podem conquistar novas posições no mercado de trabalho. Ou seja, quando a Minds chega na sua cidade, cidadãos e empresários só têm a ganhar!


Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias , Franquias de idiomas , Minds