Copa do Mundo e nova estação são temas de campanha da rede de franquias Shakerama

Publicado em 21/05/2018 por Imprensa

Campanha “Virada de Tempo” ocorrerá de 21 de maio a 15 de agosto em todas as unidades da rede e unirá produtos novos que remetem a estação do inverno e à Copa do Mundo

Com a aproximação do inverno, empresários que trabalham com produtos onde as vendas são mais aquecidas no calor, como piscinas, pratos e bebidas geladas, ficam preocupados com a nova estação, já que é inevitável a queda nas vendas quando os termômetros começam a cair.

Somente nas sorveterias o movimento da clientela chega a diminuir 40% neste período, e para driblar os prejuízos, o jeito é se reinventar e lançar produtos que atraem os olhares dos consumidores mesmo nos dias mais gelados.

A rede de franquias Shakerama Shakes e Delícias realizará de 21 de maio a 15 de agosto a campanha “Virada de Tempo”, onde serão servidos pratos e bebidas quentes, mas sem deixar de lado o seu produto principal: o sorvete.

“Assim que as temperaturas começam a baixar, por estarmos em um país que geralmente faz muito calor e qualquer queda no termômetro é significante para o setor, lançamos novidades em nosso cardápio com mescla de produtos quentes para manter a casa sempre cheia”, explica Luciano Rodrigo de Souza, diretor executivo da Shakerama.

Novidade que aquece

A campanha será lançada faltando exatamente um mês para o início do inverno e 25 dias para o início da Copa do Mundo (14 de junho), que esse ano ocorrerá na Rússia. Em virtude disso, a Shakerama unirá duas paixões do brasileiro: o sorvete e o futebol.

O empresário pontua que durante a campanha serão oferecidos cardápios especiais com temas alusivos aos países que participarão do campeonato. “Trata-se de uma forma de brincar com a imaginação dos consumidores em relação aos nomes e a composição de sabores”, ressalta.

Consumo de sorvete no inverno

Por questões culturais o brasileiro diminui o consumo de sorvete em épocas frias, por acreditar que pode pegar um resfriado, adoecer ou ter uma inflamação na garganta. No entanto, países onde o inverno é muito mais rigoroso o consumo de sorvete chega ser entre quatro a seis vezes maior que no próprio Brasil. Não é a toa que a Nova Zelândia é o maior consumidor mundial de sorvete do mundo com índice de 12,8 quilos por pessoa no ano e a temperatura pode chegar a -10 graus.

“A intenção é lançar no mercado durante este período produtos quentes que combinam com sorvete e estimular nossos clientes a experimentar, provocando assim menor impacto nas vendas”, diz o empresário.

Lançamento

Durante a campanha de inverno serão relançados produtos como: petit gâteau (bolo de chocolate macio com recheio cremoso e sorvete de baunilha); Cappuccino Dópio no cascão (cappuccino com chantilly, amendoim e raspas de chocolate); Cappuccino Suflair no cascão (cappuccino com chantilly, suflair e raspas de chocolate); Cappuccino tradicional no cascão (cappuccino com raspas de chocolate); Chocolate quente suíço no cascão (chocolate quente com raspas de chocolate); Chocolate quente Veneza no cascão (chocolate quente com chantilly e raspas de chocolate). E as novidades: Bolo com sorvete no cascão (bolo de chocolate com morangos, chocolate em trufa e sorvete de baunilha), e o Bolo com chantilly no cascão (bolo de chocolate com morangos, chocolate em trufa e chantilly).

Já quando o assunto é Copa do Mundo, a Shakerama lançará pela primeira vez três novos produtos no cardápio especialmente para esta data: Brasileiro com morango (chocolate quente com pedaços de morango, bolacha Negresco, finalizado com chantilly ou sorvete de baunilha); Brasileiro com banana (chocolate quente com pedaços de banana, bolacha Negresco, finalizado com chantilly ou sorvete de baunilha), e Russo (chocolate quente com bolo branco finalizado com chantilly ou sorvete de baunilha).

Luciano enfatiza que durante a campanha espera que as vendas aumentem 10%, comparado com o inverno do ano passado. A cada quatro meses a rede está se reinventando e lançado novas campanhas e produtos no mercado. O empresário acredita que com essa rotatividade dentro da rede é possível que os franqueados faturarem mais, atraindo nova clientela e fidelizando os antigos.

A mais pedida

Em dias frios, as massas e o sorvete soft são os mais pedidos pelos brasileiros por terem a sensação de serem menos gelados que o picolé. Outra grande aposta são os chocolates, devido suas propriedades energéticas e o sabor desse produto ele acaba tendo uma boa saída nas sorveterias.

Fácil gestão

A Shakerama oferece uma enorme variedade de produtos e combinações com sorvete em massa, soft, casquinhas milk-shakes com mais de 150 opções de sabores. São cinco modelos de negócios distintos, com investimentos que variam entre R$99 mil a R$230 mil, e em todos eles os investidores poderão contar com o produto açaí.

A marca entrou para o mercado de franchising no ano passado e já soma três unidades (entre próprias e franqueadas) em Araxá (MG), Jacareí (SP) e Canavieira (BA). Neste segundo semestre Cuiabá (MT) receberá também uma unidade. A meta é encerrar 2018 com oito unidades em operação e faturamento de R$ 2,5 milhões.

Por se tratar de um produto artesanal, na qual é utilizado matéria-prima de qualidade, a Shakerama oferece aos clientes um alimento saudável e cremoso, diferente dos produtos industrializados encontrados no mercado, onde o teor de gordura é alto. Trata-se de receita exclusiva com 30% menos gorduras e açúcares em sua formulação, tornando-se um grande diferencial para aqueles que consomem a guloseima, além de ser ainda mais cremoso.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquia , Franquias de alimentação , Franquias de sorveterias , Franquias de sorvetes , Shakerama