Com promessa de impacto mínimo na folha de pagamento, seguro odontológico empresarial cresce

Publicado em 06/12/2019 por Imprensa

“Funcionário se sente valorizado e a equipe ganha em produtividade e desempenho”, fala gestora da San Martin Seguros

Diante de um mercado cada vez mais competitivo, muitas empresas brasileiras oferecem planos de benefícios bem atrativos como diferenciais para se destacar, atrair o cliente e sobressair diante da concorrência. Exemplo disso é o seguro odontológico para funcionários.

Com impacto mínimo na folha de pagamento, é possível conceder aos colaboradores um serviço essencial para a saúde e a qualidade de vida. O mercado odontológico, inclusive, vem ganhando força no Brasil e puxando o crescimento de empresas aderindo ao seguro odontológico. De acordo com o departamento de Economia do Sinog (Sindicato Nacional das Empresas de Odontologia de Grupo), o mercado de planos odontológicos atingiu a marca de 24,2 milhões de beneficiários em 2018, representando um aumento de 6,2% em comparação ao ano de 2017. Este é o maior crescimento registrado dos últimos cinco anos.

Entre os meses de dezembro de 2017 e de 2018, as operadoras de Odontologia de Grupo e de Medicinas de Grupo com plano odontológico foram as que mais trouxeram beneficiários à odontologia suplementar, representando 963 mil novos contratos de planos odontológicos.

Já o tipo de contratação que mais se destacou foi o plano coletivo por adesão no qual conquistou 2,2 milhões de beneficiários, com crescimento de 21,1%, seguido do individual/familiar com 4,2 milhões (6,1%) e o coletivo empresarial com 17,6 milhões (4,6%).

Valorização no mercado

“No mercado de trabalho, muitos empresas acreditam no impacto de um sorriso bonito e bem cuidado nos relacionamentos profissionais e pessoais. Fora isso, trata-se de saúde (algumas doenças que afetam a boca e os dentes podem ter consequências graves para a saúde, como problemas cardiovasculares e infecções) o que é essencial para o bem-estar do funcionário. Assim, a cada dia, mais empresas tem investido nessa frente”, explica Daniela Lopes, gestora comercial da San Martin Seguros.

Daniela diz que na “outra ponta”, empresas e organizações têm investido em pacotes de benefícios como recursos estratégicos para atrair e reter os colaboradores. Ela ressalta que as vantagens são muitas:

“Para a empresa: o custo acessível com baixo investimento e pouco impacto na folha de pagamento; a medida gera valorização na equipe; promove diminuição do absenteísmo (ausência no trabalho) e melhora na qualidade de vida impactando o clima organizacional e na produtividade”, explica.

Já para o time de funcionários: “Possibilidade de fazer consultas frequentes com dentistas e especialistas e aumentar os cuidados com a prevenção de doenças; melhora da qualidade de vida, da autoestima e da saúde em geral e oportunidade de incluir dependentes (família) no plano odontológico por um valor acessível”, detalha.

Do básico ao completo

Hoje há no mercado diversas coberturas básicas para os planos odontológicos empresariais. As condições do seguro e coberturas diferenciadas são negociadas, de acordo com a profissional entre a empresa e a operadora, mas normalmente os planos básicos oferecem:

  • - Consultas;
  • - Atendimento de urgência e emergência;
  • - Radiologia;
  • - Ações de prevenção de doenças bucais;
  • - Restaurações (dentísticas);
  • - Cirurgias simples (extrações);
  • - Tratamento de canal (endodontia);
  • - Aplicação de flúor e selante;

Os planos diferenciados podem incluir colocação de implantes, próteses e aparelhos ortodônticos. Muitas vezes, a empresa deixa a cargo do funcionário escolher o plano que mais atende suas necessidades, oferecendo opções com vários tipos de cobertura.

Preço varia

Já o custo deste seguro é calculado de acordo com a quantidade de beneficiários (incluindo dependentes, como cônjuges e filhos) e pode ser oferecido em duas modalidades: Compulsória, que inclui de forma obrigatória todos os colaboradores e normalmente é custeada integralmente pela empresa. Já a outra é a facultativa, que permite ao funcionário aderir ou não ao plano — seu custo pode ser pago pela empresa ou descontado (no valor total ou parcial) em folha de pagamento.

“Investir no seguro odontológico para funcionários é uma estratégia que beneficia duplamente a empresa — o funcionário se sente valorizado e a equipe ganha em produtividade e desempenho”, finaliza Daniela.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: San Martin Franchising , Franquias de Seguros