Com nova economia bombando, saber inglês segue essencial para o mercado de trabalho

Publicado em 04/09/2019 por Imprensa

Idioma figura entre as competências mais requisitadas por recrutadores. Escola com estilo de coffee house, a English Talk tem metodologia e ambiente que tornam o aprendizado da língua mais efetivo

Em um mundo cada vez mais globalizado e com a nova economia ganhando espaço no mercado de trabalho, o domínio da língua inglesa segue como competência essencial cobrada por recrutadores. De acordo com pesquisa da Hays, grupo global com vasta experiência em recrutamento especializado, o idioma é a língua mais requisitada na comunicação interna das empresas, com 91% das exigências. Rede que oferece cursos de inglês para o público jovem e adulto, e cujas aulas são dadas em um ambiente inspirado nas coffee houses americanas, a English Talk desde 2014 procura oferecer aos seus alunos não apenas o aprendizado eficiente da língua, mas também passar a eles a importância que o idioma tem para a ascensão em carreiras e melhora de futuro profissional.

"O inglês é um dos maiores gargalos nos currículos de candidatos. E, atualmente, a imensa maioria das empresas exige o conhecimento avançado do idioma para cargos com salários mais elevados", comenta César Lucchesi, gestor da English Talk. "Hoje há um intercâmbio muito grande de empresas brasileiras sendo abertas no exterior e de grandes companhias desembarcando no Brasil. Por isso os recrutadores têm cobrado tanto que os candidatos dominem o idioma", explica.

O método da escola auxilia os alunos a se adaptarem ao ambiente que encontrarão nas empresas. Assim, a English Talk buscou criar um método de aula específico para os estudantes. Nele, há a combinação do que há de mais eficiente no ensino às inovações tecnológicas, que auxiliam professores e alunos na rotina diária de estudos. A metodologia de aprendizado da English Talk aposta no Self-based Learning, no qual cada pessoa aprende de uma forma, no seu próprio ritmo e com foco nas habilidades que julga mais importantes. Para isso, além do ambiente de cafeteria, ele conta com um sistema de ensino altamente interativo, vídeos, aulas de conversação, games exclusivos, atividades e eventos de imersão na língua.

"A autonomia torna a aprendizagem mais dinâmica e efetiva. Nosso foco é que o estudante se sinta confiante ao falar e de fato viva contextos que lhe podem ser cobrados nas companhias", comenta César.

"Nosso método foi criado para atender à grande demanda pelo ensino de inglês que hoje o mercado requer. Procuramos preparar os alunos para a cobrança que eles receberão de recrutadores tanto no momento do processo seletivo quanto no dia a dia da empresa", pontua.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de idiomas , Franquias de educação , English Talk