CNA apresenta plano de expansão para o Sudeste do Brasil

Publicado em 21/02/2020 por Imprensa

Rede de ensino de idiomas mapeou mais de 400 áreas na região Sudeste do país com potencial para abertura de novas escolas.

A região Sudeste do Brasil é um dos focos de expansão do CNA, uma das maiores redes de ensino de idiomas do país. Com mais de 600 escolas abertas no Brasil, sendo 408 nos estados de São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro, a marca tem planos de inaugurar 80 novas escolas em 2020 em todo o país e chegar à marca de mil unidades até 2025.

Com base em ferramenta de georreferenciamento, a área de expansão do CNA mapeou 411 áreas no Sudeste com potencial para abertura de escolas de idiomas. Há oportunidades em grandes cidades, como Belo Horizonte (22), São Paulo (9) e Rio de Janeiro (6), e também em municípios de menor porte, como Piúma, no Espírito Santo, com 18 mil habitantes.

Para atingir seu objetivo de expansão e atender a municípios de diferentes tamanhos, o CNA oferece quatro modelos de franquias - Compacto, Pequeno, Médio e Grande - com investimento inicial a partir de R﹩ 70 mil. Os modelos Compacto e Pequeno foram desenhados especialmente para cidades de menor porte, com populações inferiores a 100 mil habitantes.

Eduardo Murin, diretor de Expansão do CNA, explica que ao investir em uma franquia CNA o empreendedor recebe um pacote de benefícios, incluindo o mais novo projeto arquitetônico da marca, enxoval de material didático e verba para mídia local. "Dessa forma, parte do investimento inicial é amortizado e, a depender do modelo de negócio, quase a totalidade", diz.

Ensino de idiomas: mercado com amplo potencial de crescimento

Pesquisa recente feita pela Nielsen aponta que apenas 2% da população brasileira estuda inglês atualmente. Esse mesmo levantamento identificou que o mercado de ensino de idiomas tem potencial para quadruplicar de tamanho, já que 8% da população possui a intenção de estudar uma segunda língua no curto e médio prazo.

Para se tornar um franqueado CNA não é necessário dominar um idioma estrangeiro, ser professor ou ter experiência no segmento de idiomas. A maior vantagem do sistema de franquias, aliás, é poder contar com o know-how do franqueador. O CNA, por exemplo, oferece completo suporte ao franqueado desde o início dessa relação, auxiliando na busca do ponto comercial, na orientação para a montagem do negócio, no entendimento do mercado local, na formação de preços e na contratação de colaboradores, além de fornecer treinamentos tanto para o franqueado quanto para sua equipe. O que se espera do franqueado é capacidade para administrar o próprio negócio.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de idiomas , CNA