Acquazero lança aplicativo para franqueados

Publicado em 12/09/2019 por Imprensa

Rede de limpeza automotiva ecológica se torna a primeira franquia do segmento a oferecer aplicativo com objetivo de criar maior engajamento entre franqueado e cliente

Presente na rotina dos internautas, os serviços mobiles vem ganhando cada vez mais espaço no mercado brasileiro por oferecem agilidade e principalmente facilidade na palma da mão. Com isso, as empresas enxergaram uma nova oportunidade de mostrar seus serviços, além de criar estratégias de marketing para o cliente que está cada vez mais conectado e isso inclui todas as gerações.

É pensando na potência que esse mercado tem a oferecer que a Acquazero – rede de franquias especializada em estética automotiva e limpeza ecológica – lança durante a 13ª edição da Expo Franchising ABF Rio o novo aplicativo que leva o nome da marca. O evento ocorrerá de 12 a 14 de setembro, no Centro de Convenções Sulamérica, no Rio de Janeiro (RJ).

De acordo com Henrique Mol, diretor executivo da Acquazero, uma das grandes dificuldades que se nota dos players que tem no mercado é que a parte tecnológica funciona perfeitamente, porém a prestação do serviço deixa um pouco a desejar, ou seja, a experiência do cliente acaba não sendo algo positivo.

“Uma realidade que vivemos no mercado de estética automotiva é que a mão de obra que há lá na ponta é desqualificada. Se a pessoa não souber trabalhar com a lavagem a seco pode prejudicar a pintura do veículo, como arranhar, por exemplo. Por isso, a necessidade de treinamentos constantes e uso de produtos bons”, afirma. A Acquazero conta com uma distribuidora própria, a Zaplus, que possibilita manter um padrão em todas as unidades através do uso de equipamentos e produtos específicos para limpeza dos veículos, possibilitando uma maior capilaridade e treinamento de ponta padrão ao franqueado.

Mais comodidade e melhor oportunidade

O app funciona da seguinte maneira: Ao baixar o aplicativo no Google Play ou Apple o cliente irá informar onde o veículo está estacionado, a marca e qual o serviço busca ser executado. Já o franqueado receberá essa demanda e fica responsável por executar este serviço. Ele tem a opção de aceitar ou não. Caso não aceite ele tem a opção de inativar as demandas.

Será criado dentro do aplicativo quantidades de demandas diferentes pela modalidade de franquia: O modelo home office vai poder receber por dia até 16 demandas pela plataforma no raio de atuação que ele mesmo pré-determina. O Standard (que é uma loja menor em torno de 20m2) poderá criar uma equipe só para atender essas demandas delivery até no máximo 24 atendimentos por dia. O Prime (área em torno de 150m2 a 200m²) também poderá criar essa demanda de até 32 atendimentos.

Mol salienta que o aplicativo tem como objetivo levar conveniência aos clientes e principalmente levar demanda para os franqueados através dessa nova ferramenta.

Até mesmo as ações de marketing possibilita fazer de uma forma orquestrada, como por exemplo, divulgarem o aplicativo em feiras de franquias mostrando como algo diferencial dos modelos de negócio e, assim atrair clientes para os franqueados. “Minha ideia como empreendedor otimista no negócio é que consigamos chegar a um momento que possibilitará oferecer no mercado um modelo de negócio com risco zero e isso falamos em empreender que é praticamente impossível”, diz.

Negócio rentável

“Isso é muito legal porque gera um diferencial para dentro do negócio, e quando pensamos nessa questão tínhamos duas possibilidades que era desenvolver um aplicativo do início, o que gera um tempo de maturação maior, ou comprar uma plataforma já em atividade. Como o modelo da Acquazero hoje vem no ritmo de crescimento acelerado, inclusive dentro da holding é a marca que mais cresce, optei em fazer baseado nas opções que já tínhamos no mercado que foi em comprar a solução de uma startup já tendo desenvolvida a solução em Belo Horizonte, cidade sede da franquia. Comprei a solução desse aplicativo que já tem dois anos de maturidade, com isso, eu acelero esse processo internamente”, explica o diretor executivo.

Mol reforça que o franqueado pagará um percentual para o aplicativo, porque o app precisa ser remunerado. Será uma empresa independente para que seja possível investir em tecnologia e marketing, principalmente. A ideia é cobrar 20% de todas as demandas que será levada ao franqueado, via aplicativo, que poderá ocorrer através desse atendimento delivery ou também nos atendimentos nos pontos físicos.

“A intenção é criar ações como estímulo para finalizar a compra no app, como um desconto, por exemplo, para loja física, e assim o cliente acaba levando o veículo até a loja mais próxima. Na loja possibilita que o vendedor avalie outros serviços que o veículo está necessitando e assim identificar outras necessidades e gerar vendas dentro do espaço físico”, conclui o empresário que está bem otimista com a possibilidade de levar mais essa ferramenta ao franqueado.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Microfranquias , Acquazero , Franquias de serviços automotivos , Franquias baratas