Mineiro Delivery bate recorde e atinge a marca de 100 mil caixinhas vendidas por mês

Publicado em 11/07/2018 por Imprensa

Criada em 2012 pelos irmãos Ventura, a empresa se inspirou no modelo chinês de comida no box, modernizou a tradicional marmita e fatura R$ 20 milhões por ano

Ouvir os clientes e criar soluções para os problemas e melhorias que eles pedem é um desafio para os empreendedores. A Mineiro Delivery – rede delivery de comida mineira na caixinha – topou esse desafio e comemora a marca de 100 mil box vendidos por mês. O número foi conquistado, em parte, graças a mudanças nas embalagens e também nos talheres que são entregues com os pratos, dois exemplos de sugestões feitas pelos clientes.

Agora, as caixinhas são mais reforçadas e podem ir ao micro-ondas, uma reclamação recorrente dos consumidores que não conseguiam consumir a refeição toda na hora e precisavam esquentar a comida mais tarde. Outra mudança feita pela empresa foi a troca de talheres, que hoje são produzidos com plástico de finalização mais resistentes do que a primeira versão usada pela marca e que gerava constantes comentários no SAC e Redes Sociais da franquia.

Para Dhionatan Paulino, sócio da Mineiro, ouvir os clientes foi fundamental para modernizar o negócio que já está no mercado há seis anos. “Ouvir os clientes sempre foi muito importante para nós, pois a Mineiro foi criada devido à nossa experiência como clientes de outras empresas e restaurantes de marmita. Sempre pensamos como melhorar aquilo, entregar a comida bem servida, bem apresentada para o cliente. Nos inspiramos no modelo Chinês de box e deu certo. Hoje, ouvimos nosso clientes para melhorar ainda mais e entregar um produto com mais qualidade como é o caso dessas mudanças de embalagens e de talheres. Que simples como são já impactaram nas vendas”, comenta.

Em 2012, os bancários Marlon e Gabriel Ventura tiveram a ideia de modernizar a tradicional marmitex que pediam durante o almoço. Inspirados nas famosas comidas chinesas – aquelas que são servidas in box – eles criaram a Mineiro Delivery.

No início, eles investiram cerca de R$60 mil reais em um espaço para preparar as refeições e fazer as entregas e depois de três anos, a unidade piloto já faturava R$ 70 mil reais por mês. Atualmente, a rede já conta com 120 unidades comercializadas e 60 em operação e possui um cardápio com mais de 20 opções diárias, incluindo opções fitness e vegetariana.

Além do serviço delivery que conta com parcerias de empresas como iFood, a Mineiro Delivery também possui a versão Mineiro Fast. O que antes era apenas entregue na casa do cliente, agora pode ser retirado no balcão. As refeições da Mineiro Fast podem ser consumidas no local ou no formato take-away e possuem o mesmo cardápio e qualidade que a versão delivery.

De acordo com a Associação de Bares e Restaurantes – ABRASEL – o mercado de gastronomia cresceu cerca de 10% nos últimos anos. Já a ABF – Associação Brasileira de Franchising – afirma que no último trimestre deste ano, o setor de alimentação cresceu 5,1% em relação ao anterior. A expectativa para ano é que a rede chegue em 200 unidades comercializadas e ultrapasse o faturamento de R$ 35 milhões de reais. Atualmente são comercializado mais de 100 mil refeições mensais.

Clique aqui e cadastre-se para receber informações exclusivas. É gratuito!

Palavras-chaves: Franquias de alimentação , Franquias de delivery , Mineiro Delivery